terça-feira, 1 de abril de 2014

Ex-prefeito é condenado por contratar mãe, esposa e irmão


O ex-prefeito de Acorizal, Meraldo Sá, foi condenado por ter contratado parentes para exercerem cargos na administração pública, na época em que comandava o Poder Executivo do município.

A decisão é do juiz Luiz Aparecido Bortolussi, da Vara Especializada de Ação Cívil Pública e Popular.

De acordo com o processo, o ex-prefeito contratou a própria mãe, Carmelina Carmen de Sá, para o cargo de coordenadora de Promoção Social (01/01/2005 a 31/10/2009); o irmão dele, Maldo Figueiredo Sá, para exercer a função de coordenador de gabinete da Secretaria de Assistência Social (01/01/2005 a 30/07/2007) e a esposa Deizy Fátima Ferreira da Silva, para o cargo de secretária.

Nenhum comentário:

Postar um comentário