quinta-feira, 9 de outubro de 2014

Dorjival Silva pede ao MPE que ajude a liberar MT-170 fechada há 8 dias por indígenas da região noroeste


Dorjival Silva
Presidente do Partido Democrático Trabalhista de Brasnorte, o professor e jornalista Dorjival Silva esteve na tarde desta quinta-feira (09) na Promotoria de Justiça da Comarca para solicitar ao Ministério Público Estadual providencias em relação à questão do trancamento da rodovia MT -170, por indígenas da região noroeste desde o dia 1º.

Ao promotor substituto Leonardo Moraes, Dorjival Silva relatou a situação constrangedora que a população regional vem sofrendo há mais de uma semana, sendo obrigada a pagar R$ 100,00 para passar  pela ponte do Rio Juruena onde ocorre a manifestação dos indígenas.

Dorjival Silva pediu a intervenção do Ministério Público Estadual no sentido de mobilizar outros poderes visando a liberação imediata da rodovia para continuidade do trânsito na região.

O promotor Leonardo Moraes explicou para Dorjival Silva que a resolução do problema não estaria na competência do MPE. Conforme disse, como o assunto envolve toda uma comunidade indígena somente o Ministério Público Federal poderia intervir junto aos demais órgãos federais cobrando o fim do bloqueio.

Ele disse ainda que o promotor de Justiça da Comarca de Juína, atendendo apelos das autoridades do município, já teria comunicado a situação às autoridades federais.

PREOCUPAÇÃO – O trancamento da rodovia MT – 170 vem trazendo enormes prejuízos para moradores da região. Gerando desde ontem, insatisfação da população que vem sendo coagida a pagar R$ 100,00 para passar na estrada que é pública, e pior, sem amparo e sem ter pra quem apelar por solução.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário